Posts Populares
05
jun
2016

Gostaria de fazer, mas falta coragem- TDOJ


Falando sobre: Ten Days of June

Este posts faz parte do projeto Ten Days of June

O que aconteceria se as palavras “E se…” não existissem? O que você faria se você não tivesse medo? Provavelmente você seria mais feliz, só por fazer o que lhe agrada, sem que a falta de coragem atrapalhe.

Procurando a palavra coragem no dicionário, encontramos: audácia, ousadia, valentia, atrevimento, bravura. Justamente o que nos falta quando precisamos. O que para muitos pode ser descrito como um ato de coragem para outros é o contrário, pode ser considerado como tolice. Mas como saberemos se é realmente tolice, se nem tentamos?

Eu mesma já passei por situações em que me faltou coragem e até hoje me arrependo de não ter feito muitas coisas. Mas calma, estou aprendendo a lidar melhor com isso e estou enfrentando os meus medos.

Por exemplo, aprender a nadar era algo impossível para mim, só de olhar para água, já sentia alguma coisa e não conseguia, voltava atrás. Agora já vejo como “possível”, pelo menos tento. E de tentativas e mais tentativas, estarei nadando um dia. Não como um César Cielo da vida, mas pelo menos para minha sobrevivência.

Ainda posso listar coisas que eu gostaria de fazer, mas não tenho coragem, coisas que com o tempo, se eu conseguir lidar com isso, perder o medo, podem até acontecer. Nunca se sabe o dia de amanhã!

Pular de paraquedas

Acho que entra em último lugar na lista de “coisas para se fazer antes de morrer” (pausa para risos). Eu sinto medo até de montanha russa, imagina de pular de paraquedas. Pode parecer uma experiência incrível… isso se você não infartar antes de saltar.

Voar de asa delta

Junto com o item acima, o medo de voar de Asa Delta se encontra. Perceberam que é sempre algo relacionado com altura. Para resolver metade dos meus medos, tenho que perder o medo de altura e isso é algo que eu tenho desde sempre.

Já tive medo de fazer coisas bobas só pelo medo de altura. Isso inclui até o nosso querido Barco Viking. Não sei se era a altura (nem era tão alto) ou o balanço, realmente não posso explicar. Teve um momento da minha vida que eu não conseguia ir, mas quando colocaram um mini-parque do lado da minha casa, foi maior do que eu. Enfrentei o “temido” brinquedo e desde a primeira vez que fui, não parei mais.

Posso listas mil coisas, muitas delas não é nem falta de coragem. É falta de dinheiro mesmo. Lembra quando eu falei dos lugares que gostaria de conhecer? Entram nessa lista e nada que alguns milhões na minha conta resolvam. HAHAHA

E você? Já perdeu oportunidades por falta de coragem? Comenta ai!

Deixe o seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *